Feliz Natal



Eu sou hétero? Você sabia? Bom, não sei o motivo mas isso já não me parece tão óbvio que não precise ser dito.
E fui casado cinco anos com uma menina. Dos 19 aos 23.
Ela era boa mulher, machista, tradicionalista, professora, pedagoga, duas graduações, um mestrado, quase foi freira, nordestina, criada sem os pais, acho que a vida testou ela e aprovou.
Veio morar comigo meio que a contra gosto meu, eu não queria nem namoro, quando me vi estava perdido em vários, problemas. Havia outros que eu queria resolver, acabei sem resolver nenhum.
Ela não morava na minha cidade, logo, para morar comigo, ficou desempregada. Desempregada de seu emprego em escola particular e outro concursado em escola pública.
Mas ela já parecia estar acostumada a esperar, acostumada com tempos ruins.
Ela ficou, eu deixei.
Como mulher machista que era tolerava minha raiva, minha raiva vinha do descontrole para com a minha vida. Mas em casa ela agia conforme todo estereótipo que se possa imaginar, tudo limpo, comida pronta.
Não posso dizer que não gostava, nem que gostava, eu não a amava. Cinco anos sem dizer isso a ela, sem dizer isso a ninguém.
Eu, desde o primeiro ano, ensaiava fugir de casa. Fugir dela, fugir de mim, da minha vida.
Ficava até tarde fora, dormia fora se possível. Achava ruim o dia de trabalho demorar em acabar, achava ruim quando acabava.
Foi assim todos os anos, querendo a tornar independente para que ela, cansada de mim, possa ir. Ela querendo continuar dependente e dividindo as atividades, fazendo a parte dela e pedindo para que eu fizesse a minha. O tempo passando e as coisas melhorando.
O primeiro ano foi difícil, com ela desempregada e comigo ganhando pouco. No segundo ela conseguiu um meio emprego, professor tem disso de trabalhar só meio dia. No terceiro já conseguiu um emprego e meio, estávamos ficando bem financeiramente, mas ela trabalhava o dia todo mesmo, até à noite, e eu era o mototáxi dela.
No quarto o terreno que colocamos dinheiro já estava virando casa, o esforço em fazê-la dirigir já tinha se transformado em um carro para ela, a casa já tinha vários móveis novos.
Related Posts with Thumbnails

GBBD Banco do Brasil

Utilidade Pública - Como remover o GBBD Banco do Brasil do Chrome

1. Aperte as teclas Windows+R e no Executar digite: %localappdata% e pressione Enter.
2. Na janela que for aberta, localize e exclua a pasta "Gas Tecnologia" com Shift+Delete.
3. Reinicie o Google Chrome.
4. Volte a ser feliz Related Posts with Thumbnails

Ter a pia


Eu: Você não tem violão?
Ela: ainda ao mas vou comprar um
Eu: Não gosto mais de você.Está escrito baterista no teu perfil. A bateria você tem?
Ela: kkkkkkkkkkkkkkkk
toco bateria violao
mas tenho que comprar
Eu: Que sem graça. Ao menos um microfone?
Ela: kkkkkkkkkkk
cala boca
temos um estudio completo
mininu chato
kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Eu: A, qualé, que cantora-baterista-violãonista mais meia boca.
Ela: teu cu
pelomenos eu nao canto so no banheiro
seu chato
vai lavar a louca
Eu: Está brava de verdade?
Related Posts with Thumbnails

Pessoas compliacadas

E tu, tens alguém em vista?
Para sexo?
É.
Se eu perguntei demais só dizer: Não é da sua conta.
Sempre tem alguém em vista para sexo. O problema é aceitar as condições. Tem gente querendo casar, tem gente querendo mandar em mim, tem gente querendo que o ego seja massageado... tem de todo tipo. Gente que mora longe demais, que briga, fala alto, canta, faz jogos, não tem coragem, indecisas, comprometidas...
Vixi, não tem ninguém que quer só ver no que dá?
Related Posts with Thumbnails

Maquiagem

Uma menina usando maquiagem:

A mesma menina dormindo, sem maquiagem:
Related Posts with Thumbnails

Pretos saudam

_Mandou a foto dele, juntamente fala algo sobre. Sobre ele ou sobre a foto? Não importa, seria a primeira vez que eu teria uma significativa informação dele e o que me diz? Algo sobre o trabalhado dele? Profissão? Estudos? Gosto musical? Diz que ele é gordo.

Related Posts with Thumbnails

Uma mentira bem contada e um amor inventado


Você ouve ela dizer "A verdade não me interessa" e sabe que, não importa o que aconteça nessa grande bolinha de gude ao qual habitamos, sempre terá com esta pessoa uma boa amizade.

Related Posts with Thumbnails

Mulheres, gordos e cegos

 Esta é uma parte de uma conversa em uma rede social, o tema era o feminismo e uma recente postagem minha sobre o assunto, caso mais alguém sinta dúvida sobre minha opinião sobre o assunto, segue aqui maiores esclarecimentos:

"A minha opinião muda, quanto ao feminismo, quando você generaliza. 'Nós mulheres'. Desculpe, para mim, você está errada, sem dúvida já conheci mulheres que não sabiam o que era amor, ou como amar. Mulheres que não eram delicadas, gentis ou qualquer outro esteriótipo que você dirija às mulheres. Já até gostei de uma mulher assim, mas passei a gostar dela quando ela estava sendo falsa, verdadeiramente ela me traia, enganava e não tinha nada do que cremos como feminilidade.
Dar às mulheres características de caráter somente por serem mulheres, menina, você é machista, não faça isso, é feio. Eu sou mais gentil, capaz de amar, delicado e fraco que uma porção de mulheres neste mundo. E tem outros homens assim, não há traços de caráter exclusivos dos homens. Menina, isso é machismo, não separe caráter por genitália.
Related Posts with Thumbnails

Sexo casual

Deve ser das coisas mais estranhas e complicadas que conheço. Cada pessoas que já conheci na minha vida era cheia de tantas particularidades que acho impossível achar outra idêntica. Ai vamos lá, para o máximo de intimidade física com alguém que não conhecemos, que não nos conhece e vamos julgar se o relacionamento com ela pode nascer de algo fadado ao erro? Sim, pode dar certo, pode ser ótimo, mas as chances são ruins demais...
Related Posts with Thumbnails

Escrever

Vou escrever. A que devo isto? Sei que preciso, mas também preciso me dar explicação às minhas atitudes. Escrevo pois, pois me encho, logo preciso esvaziar. Quase nunca consigo, logo, transbordo. Saem palavras.
Há quem coma, e sente o corpo e a alma acalmarem. Não, este não sou eu, comer sempre foi, além de necessidade, fardo, luta, esperança e medo. Há quem ejacule teus problemas, relaxe com isto. Não, novamente não sou eu, pois relaciono à dor física, aos conflitos de relacionamentos, às cobranças.
Dei ouvidos a quem disse que comprar pode aliviar tensões, além de dispendioso se resultou falho, e também já briguei, dolorida estratégia fracassada. Competi, pelejei, gritei, mas não alcancei resultados, apenas, bom, fiquei rouco.
Vou escrever. Não muda nada, fisicamente. Mas as paredes voltam para seus lugares, as nuvens reaparecem, a sensação de temperatura continua a existir e a saliva, a saliva continua na minha boca umedecendo parte dos lábios, parte molhada, parte seca. Nesta busca por expressões, por palavras, por uma grafia que dê forma ao que sinto, eu me acalmo, penso mais vagarosamente e compreendo alguns riscos do grande muro onde estão todos cartazes que querem minha atenção.
Related Posts with Thumbnails

Mamíferos invertebrados


Related Posts with Thumbnails

Para quem precisar

Abro a porta do carro para ela, é só uma gentileza. Escolho uma mesa por ela, é só uma gentileza. Puxo a cadeira para ela sentar, é só uma gentileza. Pago a conta dela, é só uma gentileza. No final da noite ela diz que é feminista, ai você que escolha o que pensar dela.


É como uma religião destas que se reproduzem velozmente, um pouco desta aqui, desta outra e como quem visita uma destas sorveterias 'sirva-se à vontade', uma nova ideologia é montada.

"Quero ser tratada como uma inútil no que o machismo me favorece, mas quero também as liberdades e direitos que estão previstos no feminismo, quero igualdade, mas só quando eu quiser. Feminismo para quem precisa de feminismo, e no momento oportuno."
Related Posts with Thumbnails

Sorriem sem motivo


Related Posts with Thumbnails

Frases que gostei de ter enviado


"São só pessoas, quase sempre, eu acho."

"Ah, beleza, o cara é bem resolvido demais para mim."

_[...] pois não sei o que ele quer.
_E talvez nunca saiba. Concentre-se em saber o que você quer.
Related Posts with Thumbnails

Fuma fuma fuma folha de bananeira

eu detesto fumantes, cara. desculpa
3:49 PM
eu mesma ia comprar cigarros pra minha avó, via todos fumando, o cheiro nojento
3:49 PM
eu detestei/detesto/detestarei cigarros.
3:50 PM
Acho que já entendi.
3:50 PM
acha mesmo q precisa disso?
3:51 PM
esta tao feia a sua vida mesmo?
3:51 PM
Nossa, fumantes acham suas vidas feias?
3:51 PM
Related Posts with Thumbnails

Plano B

Vi a conversa com a Daiane...voce já revelou os planos.
11:42 AM
Agora ela vai instalar cercas eletricas.
11:42 AM
A gente espera ela sair para trabalhar.
11:45 AM
Uma hora vai ter que abrir a porta.
11:46 AM
Ai falamos que somos testemunhas de Jeová.
Related Posts with Thumbnails

Foi bom pra tu?


Na hora que ultrapassei o caminhão, eu resolvi olhar pra ele, não sei por qual motivo. Ai percebi o acidente, tomei um puta susto, parece que tinha acabado de acontecer.
10:17 AM
Sei que nunca quis tanto chegar em casa o mais rapido possivel.
10:17 AM
É isso.
10:18 AM
Eu não acredito em pós-vidas.
10:20 AM
Não tenho religião alguma.
10:20 AM
Mas, em um último suspiro, antes da morte certa, quero ter a certeza de estar pensando: Foi bom.
10:20 AM
Related Posts with Thumbnails

Manuais para estranhos


Nem sei como a conversa começou:
_Aqui é um lugar difícil de conversar.
_É uma festa, não é o melhor lugar para conversar.
_Mas eu não conheço ninguém aqui, que fazer com estranhos além de conversar? Você joga truco?
_Truco? Não, mas também não acho que é pra isso uma festa.
_Também não gostaria de jogar truco com estranhos que nunca conversei...
_Que tipo de conversa tentou?
_Só as mais básicas, 'que tipo de pokémon você gosta?', 'você ronca?', 'qual bombom você pega primeiro na caixa?' e coisas assim, que dizem muito sobre as pessoas.
_Você é estranho.
_Ah é, desculpe, Maycon, prazer.
_Não falei neste sentido.
_Ata, beleza...
(silêncio constrangedor e olhares perdidos)
Related Posts with Thumbnails

Tem que ter assunto


Tem pessoas que sabem como falar com estranhos em uma festa cheia de estranhos. Eu chego perto da pessoa, sorrio, ela sorri, aponto um lugar com menos barulho, vamos, e é minha deixa para falar alguma coisa, então:
_Ei cara, qual é o teu Pokémon preferido?

Related Posts with Thumbnails

Uáca uáca e feitiçaria


Epicuro! Epeiceuteó! O cara que mudou a santíssima trindade, ou ao menos meu modo de vê-la. Gritei umas três vezes o nome dele  saindo pelo portão de casa, isso fez meu amigo me olhar, ã, com cara de, de 'gol da argentina', deve ser essa a melhor definição para a expressão dele.


Amizade, liberdade e tempo para refletir. Eu sempre achei muito utópico conseguir definir a felicidade tão pura e simplesmente assim. Mas esse caras geniais não podem ser interpretados por meros mortais como eu, escrevam eles enciclopédias ou, como Epicuro, alguns rascunhos na parede, de nada adiantará para uma mente limitada.
E eu queria saber destas paradas tudo de felicidade, e quem é que aparece na minha vida? Um druida, de toca e cabelos cacheados, passava e deixava cheiro de felicidade, suas marcas no chão tinham o desenho da felicidade e, como um Pokémon, a única palavra que ele dizia era felicidade, ainda assim bem mais fácil de compreender que os gênios mais complexos.

Related Posts with Thumbnails

Vida diferente merece castigo

"A polícia quer te matar, você precisa pagar impostos." Mamãe alertava

Mamãe gostava de mim, acredito eu, me ensinava uma ou outra coisa que custou-lhe aprender para poder sobreviver. Me ensinou que ser diferente tem preço, tentou colocar na minha cachola que sou branco, para poder compartilhar da aversão a negros que detinha todos que me rodeavam.
Não seja gay, não seja comunista, não seja inteligente demais, não seja burro, não queira ser esperto, não aja como retardado.
Eu tentava não desapontá-la, não gostava de meninos quando criança, mas também não gostava de meninas, eu gostava de Pokémons e Super Nintendo. Não sabia o que era comunismo, infelizmente fui pego uma vez dividindo várias moedas que tinha com outras crianças, para mim elas viam alegria naquelas moedas e eu via alegria em ficar cercado por pessoas alegres, mamãe não gostou, capitalismo e individualismo eram regras, leis.
Related Posts with Thumbnails

Julgamento de Nuremberg - Filme

Três horas de filme para explicar, com vários fatos históricos, sobre como aquele julgamento é como todos os outros. Vencedores julgando perdedores, sejam separados por uma guerra ou classes sociais. Uma leve falseta de apresentar o lado do perdedor com foco em Hermann Göring como anti-herói derrotado pelo promotor. A grande defesa de Karl Dönitz sequer foi citada.
A justiça tem dois objetivos práticos, como é corretiva segue a linha de acalmar a sociedade ante o medo da anarquia e prevenir atos semelhantes posteriores com o medo da mesma punição, mas em Nuremberg os juízes precisavam ir embora do país depois de julgá-lo e garantir não precisar voltar tão cedo.
Related Posts with Thumbnails

Cantar na beira do rio

Saltitando saltitando,
saltitando sem parar,
se eu parar de saltitar,
lá no rio eu vou cantar.

Camuflar, mochilar, agrupar,
preparar para partir,
a viatura é um 5ton
e não espera para sair.

A caçamba é ferro
e tem que caber muito combatentes,
30 segundos é muita coisa,
sobe no pulo que é suficiente.

Related Posts with Thumbnails

General Motors Caixa Alta

A garota ganha três em uma noite e na outra estás a chamar-me machista. Que mundo. Mas, cá eu que não via, estás certa a guria! Pois se machismo és diferença entre os sexos e eu não tive um único ao tempo dos três delas, e não fora a primeira vez, sou machista!

No mesmo dia que isto me apetece vem a mim a amiga da ex, tipo habitualmente hostil, trocar conversa comigo. Talvez, se eu fosse lacônico, não tivesse ficado offline para mim, ou me excluído de sua rede social...

_É PRAZEROSO PRA VC TRAIR ALGUEM?
Related Posts with Thumbnails

Para onde está me levando?

Eu não vou te levar, vamos juntos e não eu como guia. Vamos para algum lugar qualquer onde nos faça bem, mas esse é só o caminho, o objetivo é que você desfrute da vida, se conheça melhor, abuse da minha companhia e tenha um novo olhar do pôr do Sol.
Não sou carinhoso para lhe enganar, sou sincero em que quero e ao mesmo tempo me faz bem te agradar. Me diga agora onde quer ir, pois conversando contigo o tempo passa gostoso, se for na mesma direção que vou não penso duas vezes, compro duas Sodinhas e vou contigo.
Related Posts with Thumbnails

Enaltece

Me ama me beija e me diz
que comigo o dia nasce feliz,
e me deixa ser seu comparsa
pois esse mundo é uma grande farsa.

Me ama sem pressa
como quem sabe que a vida não regressa,
deita comigo na grama da praça
e não diga que teu amor me ameaça.

Me diga que quer uma flor
e vai comê-la para não sentir dor,
você procura quem o faça
quando teu dia não tiver graça.

Me dê um amor como o meu
que não protege, não envaidece,
como a flor que alguém lhe deu
algo que ninguém merece. Related Posts with Thumbnails

Quem sois

Por algum estímulos o percebemos. Já tentei estudar o processo de aprendizado infantil para saber aonde nasce o 'é meu', mas vários autores divergem. É certo já que o nojo não é instintivo, tem que aprender, mas, então, o que é físico e o que é sentimento? Frio é físico e nós aprendemos como resolver. Então alguém vai lá e me confunde necessidade de auto preservação com medo, depois com raiva, enfim com ódio e termina clamando pela vontade do Senhor.

Semanas atrás em um mercado:
_Eu não gosto mais da mãe. - diz um garoto que viveu menos de meia dúzia de outonos.
_Mas você tem que amar ela.
_Por que?
_Porque é sua mãe.
Related Posts with Thumbnails

Heterossexualidade heteroafetividade sexoafetividade

♫ "Palavras eu preciso Preciso com urgência Palavras que se usem Em casos de emergência"

As pessoas deveriam ser avisadas, o quanto antes em suas vidas, como procede uma relação afetiva. Alguém se apaixona por uma outra pessoa e esta outra se apaixona pelo fato da primeira ter se apaixonado por ela, nada mais.
Related Posts with Thumbnails

Pais e filhos

_E aqueles ali são mendigos.
_O que são mendigos?
_Mendigo é um morador da rua, talvez ele tenha família mas não consiga conviver com eles, um dia deve ter tido um emprego mas algo o distanciou dele e agora, sem dinheiro e sem outra opção que ele prefira e esteja ao seu alcance, ele passa os dias na rua.
_Eu posso morar na rua também?
Related Posts with Thumbnails

Avenida Ruy Barbosa

_ Oh, bucéfalo anácrono!
_ Oh, cavalo inoportuno!
Não o interpelo pelo valor intrínseco dos bípedes palmípedes,
Não te chamo a atenção pelo valor dos cavalos,
mas sim pelo ato vil e sorrateiro de profanares o recôndito da minha habitação,
mas por ter entrado na minha casa,
levando meus ovíparos à sorrelfa e à socapa.
querendo levar meus patos.
Se fazes isso por necessidade, transijo;
Se for por necessidade tudo bem;
mas se é para zombares da minha elevada prosopopéia de cidadão digno e honrado,
mas se estiver de brincanagem comigo,
dar-te-ei com minha bengala fosfórica bem no alto da tua sinagoga,
te bato com minha bengala na tua cabeça,
e o farei com tal ímpeto que te reduzirei à qüinquagésima potência que o vulgo denomina nada.
com força para o fazer sumir.

Related Posts with Thumbnails

Médico, para que te quero

Por duas vezes senti vontade de ir ao médico nos últimos dois anos, tempo do meu último emprego, e nas duas não fora uma tarefa simples. Sendo uma cidade diferente da que estava acostumado percebi um tratamento superior, na cidade onde agora trabalhava haviam superestimado minha capacidade de organização, vejam, como me vi adoecido em uma manhã de sexta-feira passaram o dia a me mandarem ao médico, mas gosto tanto de médicos que posterguei para ir somente após o horário de trabalho, chegando lá fui avisado que poderia agendar a consulta para o meio da semana seguinte. Não pedi maiores explicações, mas creio ser sensato estar sempre com uma consulta agendada para caso adoecer, infelizmente eu não sabia deste procedimento, mas melhorei no final de semana.
A segunda vez não consegui evitar, e nem a minha falta de previsão me ajudou, como gosto de adoecer aos finais de semana comecei a passar mal no final da sexta-feira, já sabendo dos médicos organizados evitei ao máximo, mas na tarde de sábado acabei sucumbindo, precisava ir até contra minha vontade. 
Related Posts with Thumbnails

Goldenberg Risoto de Camarão

“Conheci um bar que não existe. Um bar que fica numa rua triste, no subúrbio, onde há casas simples com cadeiras na calçada, e na fachada, escrito em cima que é um bar.

Há, neste bar que não existe, pelas inúmeras prateleiras, potes de vidro com cobras lindíssimas preservadas, um aquário, um carcará numa gaiola e um louro livre recebendo a freguesia, imagens de santos em madeira, escudos do Fluminense, galhos de arruda e um cágado sempre próximo aos banheiros, garrafas de todas as cores, e eu juro que ainda sóbrio vi a garrafa azul, a falante, do Visconde de Sabugosa, guardando a melhor aguardente do bar oferecida a uns poucos homens de sorte – além de mesas toscas, luz pouco forte, figas, fotografias.

Related Posts with Thumbnails

BatBarbosa

_ “Batman é o sonho do direitista anti-estado: bilionário, inconformado com a ineficiência do estado, sai a noite para fazer justiça com as próprias mãos. “Self made man”.”
_ Ué, esse não é o joaquim barbosa?

Não consegui um atalho para a página, mas a discussão era sobre o filme do Super Homem e, bom, acabei lendo isto.
Related Posts with Thumbnails

Plebiscito da VEJA

Resolvi responder à pauta de plebiscito proposto pela revista Veja, tarefa difícil, não consegui responder apenas com SIM ou NÃO. E você, o que pensa a respeito? (10 perguntas)



1. Os brasileiros trabalham cinco meses do ano só para pagar impostos e agora o governo quer que paguemos também todas as campanhas eleitorais dos políticos? Você concorda?

Sim, a proposta é a de que todos os candidatos usem recursos iguais e que a posse não seja comprada pelo investimento em propaganda. A proposta é de que não sejam vendidos à empresas que os financiem e depois estejam amarrados à elas que vão cobrar a administração pública depois de eleito.
(Nota do 247: ao apresentar dessa forma o tema do financiamento público de campanha, Veja omite que o financiamento privado é mais caro para a sociedade, uma vez que gera a corrupção e distorce as prioridades da agenda pública)

Related Posts with Thumbnails

Espantalhos extremistas

Uma das minhas professoras, em seu blog, compartilhou uma mensagem que me chamou a ler, pensar e ter vontade de comentar. Segue: Related Posts with Thumbnails

Amigos da boa moral

Eu tenho amigos moralistas, sempre confortados e indignados.
Dizem que o problema é a corrupção, mesmo que não saibam exatamente quem corrompe, quem é corrompido ou se este é mesmo dos males o pior. Preferem a lei que qualifica esta prática como hedionda (mesmo que a lei que qualificou sequestro como hediondo não tenha diminuído em nada este crime que só cresceu nas duas últimas décadas), lei abraçada pelos políticos. Antes uma lei que acalme a multidão e que possamos ignorar do que qualquer outra medida mais drástica que possam imaginar, certo?
Related Posts with Thumbnails

PEC 37 e tribunais

Não à PEC- 37, que pretende limitar a ação do Ministério Público nas investigações policiais.

Alguém ai sabe o que é esta tal de PEC 37?
MP: "O Ministério Público é uma instituição pública autônoma, a quem a Constituição Federal atribuiu a incumbência de defender a ordem jurídica, o regime democrático e os interesses sociais e individuais indisponíveis." (como pode ser encontrado em: mp.sp.gov.br)
Segundo a Constituição Federal, art. 144, no que trata a segurança pública, quem investiga crimes são as polícias civil e federal, só. A que devemos defender a sede de poder do MP, que deveria averiguar se a lei está sendo cumprida, e agora quer ser também o investigador. Pois que investiga e ele mesmo julga se investigou corretamente? Se a intenção é nobre e quer combater a impunidade, então o poder investigativo da polícia federal (no caso dos políticos de alto escalão) que deveria ser incentivada! E fica ao MP vigiar pela sua ausência de corrupção e prezar para que não haja desvio do que está previsto em lei.

Related Posts with Thumbnails

Ciclos históricos

Blog Meus Nervos - Manifestações - #VemPraRua

Quinze de maio, Espanha, começa o movimento ¡Democracia Real Ya!, e seriam iniciadas outras manifestações nos dias seguintes sobre um tema imutável para o mundo depois da gerra fria, nosso modelo de democracia. A democracia indireta (que concede as eleições diretas no Brasil desde 1989, para ilusão de alguns) está em xeque, tem que reagir para superar esta crise em vários países.
Nos E.U.A., as leis regionais de cada estado somado aos variados plebiscitos sobre vários temas tenta aproximar a população e não desgastar a imagem dos políticos em temas polêmicos de serem aprovados, já outros países onde os políticos, após eleitos agem como déspostas, já podem iniciar um repensar de todo o sistema, ao menos foi o que entendi com Manuel Castells, sociólogo espanhol e estudioso dos movimentos da era digital.
A Turquia ainda estava lutando pelo direito de protestar, em um país conservador conseguir mudar o destino do parque de Gezi já foi uma conquista. O Egito conseguiu depor Mubarak, ele ganhou grande oposição pela forma que a polícia reagiu aos protestos - centenas de mortos - e os protestos nem eram inicialmente contra ele, infelizmente o novo governante já está centralizando o poder e retomando o estilo Mubarak de governar com ainda mais força.
Na Espanha os protestos se assemelhavam aos atuais no Brasil, um clima apartidário e sem ideologia, não se declarando de esquerda ou de direita num clima de 'a favor de todos e contrários à ninguém' não conseguiram um foco em um campo de mudanças sociais. A reforma eleitoral, a crise imobiliária e a corrupção ganharam olhares mais atentos da mídia e entraram na pauta dos políticos. Novas manifestações, de estudantes, novamente contra as medidas de austeridade, foram reprimidas com mais empenho da polícia, porém esta forma de participação popular direta foi exportada, Portugal e Grécia aprenderam.
Related Posts with Thumbnails

Problemas sociais, problemas da sociedade



_Maycon, qual a tua posição política?
_Zagueiro. 

O mais legal dos protestos até agora ficou pelos cartazes e a participação de celebridades, como Rubens Barrichello - de cara pintada e ostentando um cartas com os dizeres DIRETAS JÁ / FORA COLLOR.
Tudo tem sentido, Barrichello é um filosofo, que sabe que Collor ainda não saiu do poder político, que as eleições diretas ainda não são um ideário de representação popular e governo sem representação popular está em um regime ditatorial. Um visionário. (certo, foi só uma brincadeira com uma foto dele para o chamar, novamente, de atrasado

A manifestação popular fez o governo recuar, logo este governo que deveria ser servo mas é visto como forte inimigo, não foi o suficiente na gestão econômica durante a ditadura e quando parou de dar resultados foi obrigado a passar o bastão. Foi enaltecido quando apontava no horizonte o progresso, mas agora, com o passar dos anos as notícias não foram boas, o custo de vida subiu além dos salários, a conta é simples, estamos ganhando mais mas produzindo o mesmo, e o resultado fica previsível. De quem é a culpa? Dos gestores, sempre será, quem toma decisões tem responsabilidades por elas.
Related Posts with Thumbnails

Com carinho

Fita adesiva Duct Tape ajudando fresta em rua
Queridos colegas da classe-média, venho por meio deste tentar ajudá-los, os vejo muito bobinhos, talvez sejam recém chegados à esta classe econômica e não lhe explicaram algumas coisas ainda. Entendem ao menos um pouquinho de história, economia, filosofia e capitalismo? Se conseguiram prestar atenção no que estavam decorando na escolinha particular para estudar na universidade pública já deveriam ter entendido coisas bem importantes que os fariam dormir melhor.
Nenhum governo capitalista gosta de pobre, não pagam impostos, não são empreendedores e entre outros problemas. Mas não há rei sem reino, então precisamos de pessoas ganhando menos para que alguns possam esbanjar. Como pobre não é eficiente, produz pouco, ele já ganha pouco, não há muito que tirar dele, e tirando pouco menos da metade do que ele ganha ainda será necessário fazer isso com vários para que possamos sustentar o luxo dos tempos atuais, deixamos apenas o suficiente para ele saber que tem o que perder. Pagasse o mínimo possível percebível de uma conta onde, estatisticamente, a maioria deles ficará sobre controle.
Related Posts with Thumbnails

Segunda semana do vinagre


Rogério Zagallo - promotor - diz ao Choque para agredir manifestantes que lhe atrasavam
https://www.google.com.br/search?q=Rogério+Zagallo
A face intolerante de um Brasil que torce por uma ditadura de suas opiniões

Reinaldo Azevedo - VEJA - inicia cobertura e mantém posição direita/conservadora
http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/

Arnaldo Jabor - globo - se torna estopim de ódio à emissora e demais mídias
http://www.estadao.com.br/colunistas/arnaldo-jabor#colunistas

Caco Barcellos - globo - vai a protesto e ganha bolacha
https://www.google.com.br/search?q=Caco+Barcellos

Marcelo Rezende, Record e Datena, Band
http://www.naosalvo.com.br/22-frases-estranhas-do-jose-luiz-datena/

Roberto Cassano - escritor para internet - opinião sobre os efeitos de grandes movimentos sem liderança e sem foco
https://medium.com/what-i-learned-today/fd831fdb3265

Marília Moschkovich - Socióloga educadora - narrativa acerca de presença nos protestos
https://medium.com/primavera-brasileira/dfa6bc73bd8a

Editoriais:
http://revistaforum.com.br/
http://www.diariodocentrodomundo.com.br/

Ana Freitas - jornalista - em defesa aos protestos
http://oesquema.com.br/olhometro/2013/06/13/nao-e-sobre-20-centavos-estupido/

Reunião de postagens acerca dos protestos não televisionados
http://oquenaosainatv.tumblr.com/

Marvim - escrevendo em resposta à Marília Moschkovich sobre o protesto que não vai para onde todos querem
https://medium.com/primavera-brasileira/31fa4f2ba2d8

Anarquia e apoio à agressão
Juno - http://incandescencia.org/2013/06/09/vandalismo-por-direito/
Gustavo H M Silva - https://medium.com/primavera-brasileira/7e7995663609
https://medium.com/primavera-brasileira/7604e3c51f80


Related Posts with Thumbnails

Louis CK e Julia Franck

O que Bósnia, Bulgária e Brasil tem em comum?
http://occupywallst.org/article/what-do-bosnia-bulgaria-and-brazil-have-common/
http://i.imgur.com/osePYmz.jpg?1

Louis CK: “Como é que as mulheres ainda saem com caras, quando se sabe que não há maior ameaça para elas do que homens? Nós somos a ameaça número 1! No mundo e historicamente, somos a maior causa de agressões a elas. E sabe qual é a nossa ameaça número 1? Ataque cardíaco”. Ele continua: “Se você for um sujeito tentando entender a situação da mulher, tente imaginar como se sentiria se só pudesse sair com algo meio-urso, meio-leão. ‘Oh, espero que esse seja legal’”.

Louis CK: Os homens acham que mulheres são carentes porque querem ficar agarradinhas depois de fazer sexo. “Ela não está carente, seu idiota, ela está com tesão porque você não fez nada direito”, diz ele. “40% delas ficam pensando, depois… ‘Eu vou superar isso essa semana. Não é a pior coisa do mundo. Eu não vou chorar desta vez.’”

Julia Franck: “Não são somente os homens que ridicularizam as mulheres. Também as mulheres atacam rispidamente outras mulheres quando elas ousam demais.”

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/100-frases-de-nelson-rodrigues-para-comemorar-seus-100-anos/ Related Posts with Thumbnails

Primeira checagem antes do amanhecer

Um quarto de hora para as 5, como não há luz ainda coloquemos 5 horas da madrugada, e já estou me revirando na cama. Com frio não quero me levantar e começar a ler na mesa, também não penso em começar a me arrumar para estar pronto às 7h30 então penso em algo para fazer ali mesmo, quieto. Antes de qualquer atividade, mesmo que apenas mental, avalio a situação, para saber como estou. Minhas costas doem, exatamente nas minhas costelas, pulsos, tornozelos e ombros também, ultimamente tem sido comum acordar assim, cansado e desmotivado. Os pensamentos do despertar já são comuns, questionamentos sobre o motivo que me leva a acordar, o que está melhorando e o que espero que logo melhore.

Desde que posso me recordar uso calças tamanho 42, nem penso para comprá-las, sempre 42, sem prová-las, apenas observando rapidamente a etiqueta e me dirigindo ao caixa. Este final de semana ganhei uma calça tamanho 40, e ela me sobrou, certo que já vinha apertando minha cinta no último furo e ainda assim as calças não ficam justas mas negave-me acreditar. Agora me sobra a 40. Jaz 5h30.
Related Posts with Thumbnails

Rua do frango

 

Platão - Porque queria alcançar o Bem.
Martin Luther King -  Eu tive um sonho. Vi um mundo no qual todos os frangos livres podem cruzar a rua sem que sejam questionados os seus motivos. O frango sonhou!
Aristóteles - Porque é da natureza do frango atravessar a rua.
George W. Bush - Sabemos que o frango atravessou a rua para poder dispor do seu arsenal de armas de destruição massiva. Por isso tivemos que eliminar o frango.
Descartes - O frango pensou antes de atravessar a rua: logo, existe!
Capitão Kirk - Para ir onde nenhum frango jamais esteve.
Rousseau - O frango por natureza é bom, a sociedade é que o corrompe e o leva a atravessar a rua.
Freud - Na verdade a rua representa a relação com seu progenitor, e o frango não é bem um frango.
Feministras - Para humilhar a franga, num gesto exibicionista, tipicamente machista, tentando, além disso, convencê-la de que, enquanto franga, jamais terá habilidade suficiente para cruzar a estrada.
Darwin - Ao longo dos tempos, os frangos vêm sendo selecionados de forma natural, de modo que, atualmente, a sua evolução genética fê-los dotados da capacidade de cruzar a rua.
F. H. C. - Porque ele atravessou a rua não vem ao caso. O importante é que, com o Plano Real, o povo está comendo mais frango.
Einstein - Se o frango atravessou a rua ou se a rua se moveu em direção ao frango, depende do ponto de vista. Tudo é relativo.
Paulo Maluf - O meu governo foi o que construiu mais passarelas para frangos. Quando for eleito novamente, vou construir galinheiros deste lado para o frango não ter mais que atravessar a rua.
Nietzsche - Ele deseja superar sua condição de frango, para tornar-se um super frango.
Che Guevara - Hay que cruzar la carretera, pero sin jamás perder la ternura.
Maquiavel - A quem importa o por quê? Estabelecido o fim de cruzar a rua, é irrelevante discutir os meios que utilizou para isso.
Capitão Nascimento - Quem deixou o frango passar? Não era para passar nenhum frango, porra!

Guardar aqui só para ler em algum outro momento já que não sei o motivo de o ler agora. Related Posts with Thumbnails